© Todos os direitos reservados

terça-feira, 29 de novembro de 2011

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

REFLECTINDO...


Não Sou mais belo do que tu...
Não sou mais forte do que tu...
Não sou mais silencioso do que tu...
Não sou mais majestoso do que tu...
Não sou mais necessário do que tu...
Então porquê sentir-me superior a ti?...
© Josefina Maller

VENHAM, POETAS!...

Venham, poetas!...
Venham escutar
o mar
sussurrante e
apaixonado
que canta uma canção
de amor.
Venham,
ouçam-no cantar,
é para vós que ele canta.
Venham, poetas!
e encantem-no também
com os vossos versos...
© Josefina Maller

domingo, 13 de novembro de 2011

E OS POETAS PARTIRAM...


A manhã veio
envolta em luz
clara e radiosa
luz...
Com ela vieram
os poetas
e trouxeram
as suas vozes  
os seus versos  
os seus sonhos  
as suas ilusões  
e as rosas
que as águas do mar
levaram...
 A eles juntei
o meu canto triste
palavras malditas
um sorriso desfeito
e aquela rosa amarela
tão melancólica
e bela
e  ali
junto ao mar
gritámos então
a nossa poesia...
...
A tarde veio
envolta em brumas
róseas e transparentes
brumas...
E os poetas partiram
deixando em mim
a saudade...

© Josefina Maller

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

NESTE NATAL OFEREÇA LIVROS...


NESTE NATAL OFEREÇA LIVROS, MAS SOMENTE A QUEM GOSTAR DE LER.
DEIXO AQUI A SUGESTÃO DO LIVRO QUE ESCREVI A PENSAR NOS LEITORES DO FUTURO:


«A HORA DO LOBO»...

Custa apenas 15 Euros. Envio-o via CTT.
Portes já incluídos. E autografado.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

ONDE O RIO É TRANQUILO...


Onde o rio é tranquilo, talvez se esconda a água mais profunda. (Dionísio Catão)
(Foto: Riacho de Oseira - Ourense)

domingo, 6 de novembro de 2011

A FELICIDADE DOS HOMENS...


Vigiar para que germinem as sementes ou desabrochem as flores, arfar no arado, ler, pensar, amar, orar; eis a felicidade dos homens.
(John Ruskin)